Sonia Bonato – Uma História Inspiradora

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

“Quando mudamos para Ipameri- GO em 1995 fomos morar na Fazenda Palmeiras, que compramos.

Não entendia nada de agronegócios e tínhamos que sobreviver da produção e renda da propriedade. 

O que fazer com um trator, uma niveladora, uma plantadeira de 3 linhas e 12 vacas?

Para crescer é preciso conhecimentos, então fui estudar sobre, participei de vários cursos, palestras e eventos, direcionados ao agronegócio e gestão.

Conversando e perguntando muito, para competentes administradores em gestão rural, fui me posicionando no agro. Foram muito importantes neste aprendizado e hoje são grandes amigos.

Sempre gostei do livro caixa (fiz contabilidade) e como não bastou comecei a fazer planejamento anual no qual inserimos toda atividade da fazenda, e vida pessoal afinal temos que estar bem para fazer tudo ótimo.

Hoje temos três fontes de renda: silagem, cria (vendemos bezerros), e soja, com essa diversidade de renda temos maior segurança se houver contratempo em uma das produções.

E para finalizar, deixo para nós mulheres uma frase que me acompanha:

Em qualquer que seja o setor que for desenvolver algum trabalho , seja eficiente, amoroso, conhecedor e curioso, ao contrário do que se diz, a curiosidade traz saberes! 

E nós, do sexo que se diz frágil sabemos que já somos e queremos ser mais no mercado atual.” 

Sônia Aparecida da Silva Bonato é agropecuarista em Ipameri, Goiás, está sempre em busca de capacitação e faz a gestão de sua propriedade sempre em parceria com Nilton, seu esposo.

Na edição de 2018 do Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio recebeu o prêmio de segundo lugar na categoria pequena produtora.

Foi reconhecida também pelo prêmio Esalq/Santander.

Em 2018 participou de vários eventos (38) com destaque para Expopec Porangatu- Congresso Digital AgroMulher – Pecuária Lucrativa Ribeirão Preto – AgriShow – AgroBrasília –  1ºForum das Mulheres do Agro e Cooperativismo –  Palestras do Núcleo Feminino da Pecuária Goiana– ABCZ Pró Genética Uberaba – Dia de Campo Fazenda Brasília Nelcy Palhares – 1º Encontro ABCZ MULHER– Interconf Goiânia- Palestra SRB SP – 3º Congresso Mulheres do Agronegócio– recebeu da FAEG/SENAR GO Certificado  de Honra ao mérito  no Festival de  Cultura e Gastronomia de Goiás, pelo Projeto Receias do Campo, que está na quarta edição, – INTERCORTE SP– Gênero e Cooperativismo Seminário Internacional em Brasília- Caravana Soja Brasil Rio Verde evento no qual foi anunciada a APROSOJA GO Mulher, cuja idealizadora foi a colega Márcia Barzzoto.

Sônia é uma mulher solidária e está envolvida em ações que beneficiam abrigos, famílias carentes e campanhas para arrecadar fundos solidários. Ela é dinâmica e multi atarefada, mas faz questão de destacar e agradecer todos os convites para eventos, que segundo ela “geraram muitas amizades e conhecimentos. Tenho grandes amigos que fiz e prezo muito”.

A agropecuarista participa de diversos Grupos e Núcleos como o  Mulheres do Agro de Mineiros, AgroMulher, Núcleo Feminino da Pecuária Goiana NFPG, Mulheres d Agro CNA,  GPB BRASIL, GPB,  GPB PREMIUN, Mulheres de Raça do Agronegócio, Núcleo Feminino Scott Consultoria, Comissão de Pecuária FAEG, FAEG MULHER, é coordenadora de Núcleo Sicredi, divulgadora do Movimento #SomosdaCarne e integra a atual diretoria da Aprosoja Goiás.

Sonia também ilustra a nossa Coluna Histórias Inspiradoras, no Missão Mulheres do Agronegócio Brasil a qual replico nesse portal AgroMulher, afinal a história de Bonato além de ser uma “Mulher do Agronegócio do Brasil é uma Agro Mulher e merece ser contada à todas as colegas do Agro. À todas uma semana excelente, Andrea Cordeiro

Você também pode se interessar por:

Liderança feminina: o que ninguém quer falar

Princípio de Empoderamento das Mulheres

Mulheres do Agro Pelo Mundo

Compartilhar.

Sobre o Autor

Andrea de Sousa Cordeiro

Andrea Sousa Cordeiro, formada em Direito pela Universidade do Vale do Itajaí – UNIVALI. Com 21 anos de experiência em consultoria no mercado agrícola, com participação em cursos, treinamento e palestras n Brasil e Estados Unidos. Atua com foco destacado na área comercial, sistemas de trocas, derivativos cambiais, sistemas de hedge na BM&F e CME e leilões CONAB. Cursando MBA em Agronegócio pela ESALQ. Criadora do Blog Missão Mulheres do Agro que também dá nome a um Movimento Nacional de Valorização da Mulher do Agro, cujos destaques são circuitos de palestras e viagens técnicas para destinos como Estados Unidos, Argentina e China para público exclusivamente feminino.

1 comentário

  1. Pingback: Denise Dias – Mulher do Agro no Ensino e Pesquisa | AgroMulher

Deixe Seu Comentário