quarta-feira, novembro 14

Seja feliz com suas escolhas profissionais

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

O cenário atual, permeado de inovação e tecnologia, e com o conhecimento ofertado de uma maneira muito mais acessível, tem causado muitas dúvidas aos jovens, principalmente quando precisam decidir qual caminho seguir na vida profissional.

Em determinados momentos, quando se tem a certeza da área escolhida para a graduação, ou pós, a rede social traz um colega bem-sucedido em outra área (que também era do seu interesse) e você se pega pensando se era exatamente esta escolha que deveria ter feito.

A verdade é que não existe caminho pronto para cada um. Temos que escolher algo em que encontramos maior afinidade e ir aprendendo com nossos erros e acertos. Errar também faz parte da construção da nossa trajetória profissional. Devemos aprender a lidar com as objeções, frustrações e acima de tudo, entender o sentimento de fracassar (para que nos tornemos resistentes e para encorajar outras pessoas a seguirem seus sonhos).

Nem tudo é tão fácil quanto parece. Quando escolhemos a graduação, temos desafios na faculdade. Primeiro, provas, a escolha do tema da monografia (e depois a apresentação) – e tendo que conciliar tudo isso, muitas vezes com nossa rotina de trabalho, casa, família e vida social.

Depois desta etapa concluída, começam as preocupações com o mercado de trabalho já na área escolhida. Como conseguir um bom emprego, um bom salário, crescer profissionalmente e continuar o processo de formação (agora com MBA, pós, mestrado, doutorado).

Existem alguns itens que podem facilitar este processo de escolhas assertivas em nossa caminhada:

  1. Suas escolhas profissionais devem ser baseadas no seu grau de afinidade, sonho e desejo de trabalhar na área, JAMAIS por escolhas de terceiros;
  2. Manter o foco (linha de trabalho e formação) é essencial para fortalecer seu vínculo com a área escolhida, principalmente para se tornar referência no assunto. Quem passeia demais por muitos temas, corre o risco de produzir com superficialidade;
  3. Não desista nas primeiras dificuldades. Todas as profissões possuem ônus e bônus. Quando fazemos o que amamos, conseguimos atravessar os obstáculos com maestria, utilizando dos momentos difíceis como aprendizado;
  4. Nunca deixe de buscar aperfeiçoamento. Seja um curso de curta duração ou qualquer outro formato. Estar participando e aprendendo continuamente nos transforma em profissionais melhores;
  5. Produza material de qualidade dentro da sua área e divida conhecimento. Quando ensinamos, aprendemos também e ofertamos a possibilidade de aumentar nossa rede de relacionamentos, com pessoas que se familiarizam com os mesmos temas que nós;

Sua comparação de evolução não deve ser com alguém e sim consigo mesma. Olhe para o que você era a 1 ano atrás, onde está hoje e em que lugar deseja estar daqui 1 ano. E o mais importante de tudo: seja feliz com suas escolhas!

>> ESCOLHA SUA VIDA! Clique para saber mais.

Compartilhar.

Sobre o Autor

Mariely Biff

Professora Universitária e Consultora em Agronegócios no estado de Mato Grosso. Também atua como voluntária da ONG Por1Sorriso e é fundadora da ONG Seja Luz.

Deixe Seu Comentário