segunda-feira, outubro 22

Retorno ao mercado de trabalho: Como transformar o tempo dedicado aos filhos em pontos a seu favor?

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Para inaugurar minha coluna, aproveitei o mês da mulher para falar de um tema ainda delicado para todas nós: como retomar a carreira após um tempo de dedicação aos filhos.

O mercado de trabalho vem passando por grandes avanços, muitos deles no que diz respeito às mulheres. Hoje, é de conhecimento geral que somos tão capazes, qualificadas e esforçadas como qualquer homem para exercer qualquer função, em qualquer setor.

Todavia, essa igualdade muda quando chega a hora dos filhos. Além de todos os medos, dúvidas e fragilidade física e emocional durante a gestação, as mulheres passam por um outro dilema: a incerteza do retorno ao mercado, seja após a licença maternidade ou após alguns anos de dedicação aos filhos.

A ideia de que não vai conseguir deixar o filho com outra pessoa, que tem um “gap” na carreira e ficou desatualizada, que ter um filho pequeno é uma desvantagem na entrevista de emprego ou numa promoção na empresa, ou ainda que na volta de sua licença você será demitida ou tratada de forma diferente são algumas das crenças que precisam ser substituídas.

A mulher precisa trabalhar sua autoconfiança e seu senso de “locus interno” para desmistificar tudo isso, assumir o controle da sua vida e transformar toda essa experiência em casa em vantagens para você!

Atualmente, um dos métodos mais procurados e que traz bastante benefícios às profissionais é o coaching. O coaching é um processo, com metodologia definida, que guia os passos de uma pessoa para que esta tenha sucesso pessoal e profissional sustentado em valores e princípios.

Esse processo não tem nada a ver com autoajuda, nem consultoria, nem mentoria e nem com terapia. Através de perguntas poderosas, ele estimula o cliente a refletir para encontrar suas próprias respostas e a agir rumo ao seu objetivo.

Nesse sentido, o autoconhecimento e a valorização dos seus talentos são os primeiros passos para nos vendermos melhor para o mercado. Mostre que embora você tenha feito um “intervalo” na sua carreira, a criação dos filhos te trouxe inúmeras competência emocionais, como melhora na liderança, na comunicação e feedback, na sua motivação de vida, na resiliência, na gestão do tempo e várias outras. Nada melhor do que demonstrar com exemplos práticos.

Hoje cada dia mais as competências emocionais vem ganhando campo, mas também não perca a oportunidade de reservar uma horinha do seu dia para se dedicar a um curso e/ou leitura de sua preferência. Na hora de voltar, isso mostrará que você se manteve ativa e atualizada nas suas competências técnicas também.

Com planejamento e com as ações certas, nos tornamos mais confiantes, autorresponsáveis e com a certeza de que a retomada e o rumo da nossa carreira só dependem de nós!

Interessada em saber mais sobre como o coaching pode te empoderar e te auxiliar nessa e em todas as fases da sua carreira? Me deixe uma mensagem!

Compartilhar.

Sobre o Autor

Carola Magnabosco

Coach especializada em Carreiras pela Sociedade Brasileira de Coaching. Economista pela Esalq/USP, com MBA em Gestão Estratégica e Marketing. Experiência de dez anos atuando com gestão, projetos e inteligência de mercado em grandes consultorias e grupos agropecuários.

Deixe Seu Comentário