Representatividade e informação para as mulheres do campo

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Fundadora do Portal AgroMulher, Vanessa Sabioni falou sobre a expressividade das mulheres ligadas ao agronegócio

 

“Sucesso não está ligado ao dinheiro, é ser feliz com o que você faz”. Com essa frase, Vanessa Sabioni começou sua palestra durante o #viasoftconnect. Engenheira agrônoma por formação e empreendedora por vocação, é a criadora do portal AgroMulher. Uma iniciativa online voltada a capacitar, inserir e integrar as profissionais do campo. “Hoje, cerca de 40% do agro brasileiro é representado por mulheres. Elas também administram 30% dos negócios rurais, produzindo e vendendo suas commodities. Apenas com esses dados já é possível ter uma dimensão do nosso papel no setor”, citou Vanessa.

 

Depois de superar seus próprios obstáculos no mercado de trabalho, a executiva percebeu que era o momento de empreender. “Muitas mulheres acham difícil fazer carreira no agro, pois parece uma área extremamente masculina. Sempre colocamos a culpa no ambiente e eu vi que poderia apoiar pessoas no desenvolvimento pessoal e profissional”, relembrou. O portal AgroMulher se tornou referência não somente entre elas, é um ponto de união para todos aqueles que vêm ou estão no campo: “promovemos um ecossistema de equidade. Juntos, homens e mulheres são mais fortes”.

 

Com mentorias, cursos a distância, workshops e palestras, a empreendedora tem oferecido aquilo que considera o mais importante para o empoderamento feminino: informação. “Capacitação não é só curso. É acessibilizar a informação para que as pessoas sejam protagonistas de suas vidas”, concluiu.

Conteúdo: Básica Comunicações

Fotos: http://felipeds.com.br/

Talvez você goste de ler sobre:

Compartilhar.

Sobre o Autor

Paôla Mírian

Estudante de Agronomia, estagiária em marketing, conteúdo e SEO no Agromulher.

2 Comentários

  1. Pingback: I Encontro das AgroMulheres do Brasil | AgroMulher

Deixe Seu Comentário