Líder referência: a mulher é a primeira de muitas

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Inspiração e liderança permeiam os diversos papéis da mulher dentro da vida de cada um de nós. A primeira referência de nossas vidas não poderia ser outra

Texto: Marluce Corrêa Ribeiro – Jornalista e Redatora do Portal Agromulher

Gostaria de começar esse artigo pedindo que, por um instante, você reflita e me responda: quem é sua inspiração na vida?

Ao ler essa pergunta, muitas pessoas pensam, imediatamente, na mãe, na avó, na tia, na irmã ou em alguma outra pessoa que represente a figura feminina em suas vidas. É assim. Para a maioria das pessoas, a mulher é a primeira referência. A mulher, com seu dom de gerar vidas, de cuidar, de liderar, de gerenciar pessoas, relacionamentos e negócios, tem uma condição nata de ser referência. Mulher que supera bravamente desafios diários. Mulher que trilha seu caminho com a resiliência e uma força que, muitas vezes, ela acha que não sabe de onde vem. Mas no fundo, ela sabe. Sabe que essa força vem do simples fato de ser mulher. Sabe que sua coragem é alimentada a cada dia pela necessidade de ser cada vez mais forte. Não sei quem foi aquele que definiu a mulher como sexo frágil. O fato de sermos sentimentais, delicadas e agirmos muitas vezes com o coração nada tem a ver com fragilidade. Somos a força personificada em ser humano. Força física pode não ser o ponto forte da maioria de nós, mas temos tantos outros que compensam essa “limitação”.

Nesse momento, faça uma reflexão e me diga: dentro de sua casa, quem é que consegue fazer mil coisas ao mesmo tempo e ainda lembrar que a panela está no fogo, que a conta de energia vence amanhã, que o técnico da manutenção da colheitadeira vem à tarde e que faltam alguns detalhes a acertar para a colheita que começa na semana que vem? Te garanto que, provavelmente, você se lembrou de alguma mulher. Seja ela a esposa, a gerente, a proprietária, a técnica ou a agrônoma, as mulheres abrilhantam tudo por onde vão. Com nosso espírito de liderança, nosso vínculo afetivo e nossa empatia, muitas empresas, também dentro do agro, têm preferido mulheres para inúmeras funções. Nossas habilidades são únicas. Nosso instinto maternal, característico do sexo feminino (independentemente da espécie), nos leva a ter um relacionamento saudável em equipe, um cuidado maior com as pessoas e um olhar maternal. Nós, como líderes na família, em casa e nos negócios, tomamos frente de decisões e mostramos para que viemos e o porquê de estarmos no agro.

Histórias inspiradoras

Cada mulher carrega em si diversas experiências, vivências, cicatrizes e conquistas vividas ao longo de toda sua trajetória. Cada olhar, cada voz, cada carreira e cada personalidade foi construída a partir de uma somatória de experiências. Uma inspiração, uma motivação diária, um sonho, uma meta, uma esperança. Tudo isso é o que nos move, enquanto mulheres do agro, em busca de um objetivo comum: o nosso espaço merecido.

Dentro de um grupo que luta pelos mesmos direitos e espaços, a conquista de uma é a conquista de todas. Mulher é referência e modelo. Mulher é a desbravadora de novos caminhos. Mulher é esteio, é porto seguro, é inspiração. A sensibilidade feminina, banhada de sensatez, une, faz-se relacionar, espera, consola e apoia. E é isso que nos une. A empatia e a certeza de pertencimento a uma causa.

Uma dessas mulheres guerreiras dentro do agro é Geni Rosane Rohrig, produtora rural, que vive no agro, do agro e pelo agro.  Geni considera que “muitas mulheres são fortes referências de lideranças pela determinação e persistência. Com o passar dos anos, a mulher foi conquistando muitos espaços não só na família, como na sociedade, na escola, no trabalho e no Agro, conquistando, inclusive, a administração e gerenciamento dos negócios”, pontua ela.

A inserção da mulher no mercado se deve a muitos pontos positivos femininos que contribuem com essa conquista de espaço. E para se consolidar no mercado do agronegócio, devemos estar atentas, dispostas e motivadas, mesmo entre tantos desafios. Para Geni, enquanto produtora rural, as situações mais desafiadoras são “a participação nas decisões no dia-a-dia de todas as atividades, tanto na produção como na administração; o aperfeiçoamento do conhecimento técnico; a busca por capacitações com o uso de ferramentas completas para uma análise geral da propriedade, com anotações diárias para gestão; e também a avaliação dos pontos de melhoria no dia-a-dia para alcançar sucesso”.

Geni Rosane Rohrig, produtora rural

E diante de um cenário ainda desafiador, mas muito promissor, a mulher, símbolo  de força e determinação continua buscando seus sonhos com capacidade atuante. E é para você mulher, que a produtora rural Geni, deixa um recado muito importante. “Você, mulher, consegue ser guerreira e, ao mesmo tempo, sensível. Sempre pronta a suprir as necessidades. Em casa e no trabalho no agro cuida do que é seu com zelo e determinação. Você, mulher do Agro, com a serenidade no olhar, aconchego no abraço e paz no coração, seus gestos e traços femininos demonstram a sua real beleza. Mulher inteligente, esforçada e sempre pronta a dar a volta por cima: FELIZ DIA DAS MULHERES!”

 

Compartilhar.

Sobre o Autor

AgroMulher

A Rede Digital AgroMulher nasceu com o propósito de gerar resultados por meio da democratização de informações de qualidade e, assim, promover o crescimento de profissionais ligados ao agronegócio.

Deixe Seu Comentário