terça-feira, Maio 22

Aprenda a conciliar trabalho com família e estudos

Google+ Pinterest LinkedIn Tumblr +

Se você chegou até este texto é muito provável que já tenha consultado outros conteúdos sobre como conciliar trabalho com família. E, se criou uma nova meta para a vida que pressupõe estudar, pode estar desesperada por respostas neste exato momento.

Não existe receita pronta para ser mãe, esposa e ainda conciliar trabalho com estudos, portanto a primeira etapa para equilibrar vida pessoal e profissional é admitir que nem sempre você vai conseguir, combinado?

O segundo passo consiste em se organizar melhor. Para isso siga as sete dicas a seguir. Então, respire fundo e continue a leitura!

Esteja presente

Fazer uma coisa pensando em outra não só a impede de viver o presente, como também suga as suas energias, causando exaustão.

Portanto, a partir de agora, a regra mais importante do seu dia a dia será estar presente! Se for hora de estar no trabalho, esteja inteiramente lá. Se for hora de estar com os filhos, então esteja (e mantenha-se) inteiramente com eles.

Defina horários

É impossível fazer isso tudo dar certo se as coisas não tiverem uma ordem preestabelecida de horários. Impossível! Até que tudo flua naturalmente será necessário esforço constante e disciplina.

De maneira simples e prática: você vai acordar no horário A, tomar banho no horário B, estudar no horário C, e assim por diante. Não procrastinar esses horários será a sua maior conquista diária!

Monte o seu plano de estudos

Suponhamos que a sua meta seja ganhar uma promoção no trabalho em seis meses e, para isso, precisa concluir um curso de quatro meses de duração. Sua meta é a promoção, e a forma de atingi-la é concluindo o curso.

Seu plano de estudos, portanto, deve delimitar qual matéria será estudada em cada dia da semana, em qual horário e por quanto tempo, de forma que em quatro meses todas elas tenham sido finalizadas.

Se um pequeno cálculo matemático sugerir que três horas diárias de estudo serão suficientes, determine, por exemplo, duas horas de estudo ao acordar e mais uma hora no seu intervalo de almoço.

Apenas atente para as duas dicas anteriores: esteja 100% presente no estudo e nunca ultrapasse o horário de início ou de término preestabelecido.

Monte também a sua rotina

Plano de estudos montado, hora de planejar os outros setores da vida porque, afinal, a proposta deste texto é ajudá-la a conciliar trabalho com família e estudos, não é mesmo?

Defina horários para tudo o que puder, inclusive para o que você acredita que não deve estar vinculado a um horário. Horário de brincar com os filhos, de chegar no trabalho e de sair dele, de conversar com o marido e, principalmente, de ser só sua!

Abuse da tecnologia

As facilidades tecnológicas estão aí para podermos utilizá-las. Nessa fase da vida, elas atingem o status de fundamentais! Procure soluções capazes de otimizar seu tempo e seu estudo.

Para o fator tempo, um aplicativo de notas para não deixar você esquecer de nada vai muito bem. Para o fator estudo, que tal gravar aulas para escutar nos momentos livres, aproveitando o deslocamento até o trabalho?

Controle as suas finanças

A última coisa que você precisa que aconteça nesse dia a dia minimamente cronometrado é um aperto financeiro, um gasto inesperado, certo? Então evite esse tipo de surpresa especificando o orçamento que será direcionado a cada setor da sua vida, desde as despesas com alimentação até as atividades de lazer.

Estabeleça uma rede de apoio

Se der para encaixar nas finanças o gasto com babás e diaristas, faça isso! O apoio de pessoas de confiança para auxiliá-la com os filhos e a casa está diretamente ligado à sua qualidade de vida.

Seu marido, familiares e amigos próximos também devem conhecer o seu momento atual para poderem apoiá-la.

Encare a necessidade de conciliar trabalho com família e também conciliar trabalho com estudos como um exercício de reciclagem pelo qual você seleciona as atividades — e o tempo a ser gasto em cada uma delas — de acordo com o grau de importância que cada uma tem na sua vida. Essa perspectiva tende a deixar o processo bem mais leve!

Gostou das nossas dicas? Então siga-nos no Facebook e acesse também nosso conteúdo no Youtube!

Compartilhar.

Sobre o Autor

Cristina Gomes

Deixe Seu Comentário